emoji more info more info this website
Agora Salvador | Notícias de Salvador e Região Metropolitana
domingo , 26 outubro 2014
Últimas

Prisco é transferido para cela individual e Aspra promete recepção com carreata

Preso na última sexta-feira (18), o vereador Marco Prisco foi transferido neste domingo (20), para uma cela individual do Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília, onde está detido. Líder do movimento grevista da Polícia Militar da Bahia, Prisco estava em uma cela com outros 16 detentos. A defesa do vereador alegou que ele estava ‘desesperado’ com as condições do cárcere.

A notícia da transferência de Prisco foi dada pelo vice -presidente da Aspra, Fábio Britto. Segundo Fábio, quatro políticos de Salvador foram comunicados sobre as condições de Prisco. “Os políticos entraram em contato com Brasília e conseguiram tirar ele daquele risco iminente de morte. Foi uma irresponsabilidade colocar ele, líder da PM, no mesmo espaço que presos comuns”, disse Brito, segundo o jornal Folha de S. Paulo.

O temor era de que Marco Prisco fosse reconhecido por um dos presos, já que a próxima terça-feira (22), é dia de visita.

Jovem dá à luz na calçada, na porta da Maternidade de Santo Amaro

Uma jovem deu à luz no chão, na porta do Hospital Maternidade de Santo Amaro na última quarta-feira. De acordo com uma mulher que mora em frente à unidade e que ajudou e filmou o parto, a jovem pedia socorro e batia na porta da maternidade desde as 3h.

Jovem Maternidade Santo Amaro“Eu estava saindo para trabalhar, às 6h, quando ouvi ela gritar muito alto. Fui até ela, a ajudei a ter o bebê e filmei aquela situação absurda. Aquela menina estava em sofrimento desde as 3h. Ninguém desceu para vê-la. Se não tinha médico ou vaga, que fizessem a regulação, a conduzissem a outro hospital numa ambulância”, disse a mulher, que prefere não ter o nome publicado.

As imagens mostram que, enquanto a jovem paria, várias pessoas empurravam a porta da maternidade, tentando arrombá-la. Os moradores correram para ajudá-la, trazendo lençóis limpos para amparar a criança.

Segundo a autora do vídeo, depois do parto, uma ambulância do Samu chegou e fez o primeiro atendimento. “Um médico foi chamado e quis atender a menina dentro da maternidade. Mas nem assim eles permitiram a entrada da moça na unidade. Ela foi com a ambulância tentar atendimento em outro hospital. Não a conheço, mas temos uma amiga em comum. Soube que ela está bem e o bebê, uma menina, se chama Isabele”.

A autora do vídeo conta ainda que, no domingo passado, já havia assistido ao sofrimento de outra jovem, que também teve o atendimento negado na Maternidade de Santo Amaro. “A moça chegou passando mal, e o marido entrou em desespero com a negativa de atendimento. Começou a fazer um escândalo na porta. Chamaram a polícia para conter o homem. Mais de duas horas depois, colocaram a moça para dentro da maternidade. Assisti também outra mulher sendo dispensada. Ela e o marido foram embora a pé, procurar outro hospital. Vejo isso acontecer constantemente. É uma tortura ficar aqui, de frente, assistindo. Isso tem que mudar”.

As informações são do Extra

Joaquim Barbosa deve julgar habeas corpus de Prisco

Joaquim Barbosa

O ministro de plantão no Supremo Tribunal Federal (STF) neste sábado (19) é o próprio presidente da casa, Joaquim Barbosa, e é quem vai julgar o pedido de habeas corpus do vereador Marco Prisco. O advogado Vivaldo Amaral, que defende o líder da greve da PM, está no STF, em Brasília.

O pedido foi encaminhado inicialmente ao Tribunal Regional Federal (TRF) da 1ª Região, mas o desembargador José Amílcar Machado, magistrado de plantão, decidiu que não é competência da corte analisar o pedido e o encaminhou ao STF.

A depender da decisão de Barbosa, Prisco poderá ser solto ainda neste sábado. O advogado Amaral comentou com representantes da Associação de Soldados, Bombeiros e seus Familiares (Aspra) que o vereador está preocupado com a família (esposa e três filhos), que estavam com ele no instante em que foi preso.

Prisco vai ficar preso por 90 dias; recursos devem ser apresentados ao Supremo

O vereador Marco Prisco (PSDB), líder da greve da Polícia Militar que terminou nesta última quinta-feira (17), vai ficar preso por 90 dias, por determinação da Justiça Federal. A prisão preventiva será cumprida no Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília, onde estão os condenados do mensalão. Prisco foi levado para a penitenciária em um avião da Força Aérea Brasileira (FAB). Ele chegou ao local por volta das 21h desta sexta-feira (18).

O pedido de prisão preventiva foi feito pelo Ministério Público Federal (MPF) à 17ª Vara Criminal Federal. Por razões de segurança, o MPF não revelou o procurador da República responsável pelo caso, e justificou que o pedido de prisão foi solicitado para garantir a ordem pública na segunda-feira (14), já que havia risco de Prisco deflagrar uma nova greve. O pleito foi acatado pelo juiz criminal Antonio Oswaldo Scarpa, na terça-feira (15), dia em que a greve começou.

O vereador soteropolitano é alvo de um processo aberto pelo MPF por oito crimes cometidos durante a greve da polícia em 2012. Na época, o edil chegou a ficar preso por 40 dias. Alguns crimes estão tipificados na Lei de Segurança Nacional. Segundo a Procuradoria da República na Bahia, mesmo sendo réu, Prisco iniciou um novo movimento que resultou na greve, e poderia praticar os mesmos crimes pelo qual já respondia. A Polícia Federal justifica a demora em cumprir o mandado de prisão, e disse que o tempo foi necessário para viabilizar a prisão e a transferência de Prisco para Brasília.

O advogado Fábio Brito, que defende o vereador, já ingressou com um pedido de habeas corpus no Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), na noite desta sexta-feira. Ao Correio, ele afirma que a prisão é ilegal, pois objeto dela foi perdido, já que o mandado era para evitar a greve e manter a ordem pública.

A Procuradoria, por sua vez, alega que o fim da greve não tira a eficácia da decisão judicial, e que Prisco pode voltar a reincidir nos mesmos crimes que já responde. Para o Parquet, Prisco cometeu um “crime político grave”, e que os recursos deverão ser apresentados no Supremo Tribunal Federal (STF). O TRF-1, a partir de um pedido apresentado pelo MPF, declarou que a greve era ilegal, e determinou uma multa de mais de R$ 1 milhão e congelamento das contas dos líderes do movimento, caso a greve não fosse encerrada imediatamente.

A ação movida pelo MPF contra Prisco tramita na Justiça desde abril de 2013, por formação de quadrilha, impedir o livre exercício da atuação dos Poderes da União e dos Estados, sabotar instalações militares, paralisar serviços públicos essenciais para a defesa e segurança do país, incitar à subversão da ordem política ou social, entre outros. O MPF ainda pede em uma ação que as associações envolvidas na greve de 2012 devolvam ao erário R$ 15,8 milhões pelos danos causados.

Fonte: Bahia Notícias

Intenção de voto em Dilma Rousseff cai para 37%, segundo Ibope

Presidente Dilma

As intenções de voto na presidenta da República, Dilma Rousseff, caíram de 40% em março para 37% em abril, de acordo com pesquisa Ibope publicada nesta quinta-feira. Mesmo com a queda, Dilma ainda seria reeleita no primeiro turno das eleições deste ano.

A líder se matem vitoriosa em dois cenários, seja com o ex-governador Eduardo Campos ou com a ex-senadora Marina Silva concorrendo pelo PSB. Com Campos como candidato, Dilma teria 37%, contra 14% do senador mineiro Aécio Neves (PSDB) e 6% para o ex-governador de Pernambuco. Brancos e nulos somaram 24%.

A pesquisa mostra que Dilma manteria os 37% e Aécio os 14% em um cenário em que Marina encabeça a chapa no lugar de Campos. Nesse caso, Marina, que foi terceira colocada na eleição presidencial de 2010, aparece com 10% das intenções. Brancos e nulos somaram 23%. Na última segunda-feira, Campos anunciou sua pré-candidatura à Presidência da República pelo PSB, oficializando Marina Silva como pré-candidata a vice-presidente. Porém, até 20 dias do primeiro turno da eleição, marcada para 5 de outubro, os partidos podem trocar de candidato.

A pesquisa Ibope entrevistou 2002 pessoas em 140 municípios entre os dias 10 e 14 deste mês. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais.

Justiça dos EUA determina congelamento dos bens da Telexfree

O grupo Telexfree, já acusado pelas autoridades brasileiras de promover um esquema de pirâmide financeira, enfrenta sanções nos EUA, onde atua direcionado para imigrantes do Brasil e da República Dominicana. A Securities and Exchange Commission (SEC), órgão equivalente à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) brasileira, divulgou que a Justiça americana determinou o congelamento da companhia, para evitar a perda de recursos dos investidores. “Este é um de uma série de esquemas de pirâmide que a SEC investiga atualmente em que as partes alegam que os investidores podem ter lucros recrutando outros membros ou investidores em vez de desempenhar um trabalho real”, diz o diretor do escritório regional da SEC de Boston, Paul G. Levenson A denúncia também aponta que a empresa transferiu mais de US$ 30 milhões ou mais das contas da TelexFree para contas controladas por pessoas ligadas à empresa. O site internacional da empresa está fora do ar há desde a tarde de quarta-feira (16).

Comandante da PM isenta estado de culpa e descarta nova greve

O comandante-geral da Polícia Militar da Bahia, coronel Alfredo Castro, isentou o Governo do Estado de qualquer culpa na prisão do líder do movimento grevista da categoria, o vereador de Salvador, Marco Prisco (PSDB), e minimizou a possibilidade de uma nova paralisação dos policiais militares.

“A prisão de Marco Prisco foi um pedido do Ministério Público Federal (MPF) por causa da participação dele na greve de 2012. E o Governo do Estado não tem nenhuma interferência numa determinação federal. Temos um compromisso com toda a tropa no sentido de trazer tranquilidade para a nossa população e cumprir o que foi acordado. Agora é um momento jurídico e não um momento de trazer nenhuma contestação e que não vai voltar à greve”, afirmou.

Coronel Castro disse que tem o apoio da Polícia Militar para que a categoria, descontente com a prisão de um dos seus maiores líderes, volte a cruzar os braços.

“Acredito nos meus policiais. Eles querem trazer tranquilidade para a nossa população e não vejo motivo de retrocesso. Teremos o apoio do Exército e da PM para restabelecer a tranquilidade que já foi afetada nos dias de greve”, concluiu coronel Alfredo Castro.

Capitão Tadeu determina que PM pare até que Prisco seja solto

Capitao_Tadeu

Em moção de repúdio enviada à tropa pelas redes sociais, nesta sexta-feira (18), o deputado Capitão Tadeu Fernandes orienta que os policiais militares suspendam as atividades imediatamente, até que o governo providencie a soltura de Marco Prisco.

Há notícias de que policiais militares já se aquartelaram em batalhões de Feira de Santana, Ilhéus e Guanambi. Em Porto Seguro, um policial, que pediu para não se identificado, informou que parte da tropa também não está disposta a sair do quartel na noite desta sexta.

Segundo Capitão Tadeu, o governo traiu a boa vontade dos policiais militares ao mandar prender Prisco um dia após o acordo que pôs fim à greve. O parlamentar afirmou que saiu da condição de moderador para assumir a função de liderança do movimento.

A assessoria da Secretaria de Segurança Pública da Bahia informou que não se pronunciará sobre o caso por ter sido uma decisão da Justiça Federal.

O Vereador e presidente da Associação de Policiais e Bombeiros e de seus Familiares no Estado (Aspra) Marco Prisco foi preso na tarde desta sexta-feira, 18, pela Polícia Federal a pedido do Ministério Público Federal na Bahia (MPF-BA). Prisco estava em um resort, na Linha Verde, quando foi detido pela PF.

Bebê prematuro é abandonado no banheiro da rodoviária de Salvador

Um bebê prematuro abandonado foi encontrado no banheiro do Terminal Rodoviário de Salvador, na manhã desta sexta-feira (18).

Segundo o segurança da rodoviária, que foi acionado para verificar a situação, o bebê foi encontrado por usuárias do banheiro feminino e estava enrolada em um toalha. No local, ele identificou que o bebê era uma menina, que aparentava ser recém-nascida.

Equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram acionados e ao chegarem ao local perceberam que a menina era fruto de uma gestação de, no máximo, seis meses. O bebê foi encaminhado para a maternidade José Maria de Magalhães Neto, no bairro do Pau Miúdo. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, o estado de sáude do bebê é crítico.

Conforme a Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba), que comanda o Terminal Rodoviário de Salvador, as imagens das câmeras de segurança da localidade já estão sendo analisadas. Até a publicação desta reportagem, a pessoa responsável pelo abandono da prematura ainda não havia sido identificada.

Greve da PM na Bahia foi ‘clara violação do texto ‘constitucional’, segundo ministro

O ministro da Justiça José Eduardo Cardozo, reafirmou, em entrevista coletiva na sede da Governadoria, em Salvador, nesta quinta-feira (17), que houve uma clara violação constitucional com a decretação da greve da Polícia Militar na Bahia. “O que é importante frisar é que o Brasil vive em um Estado de Direito e não foi fácil conquistá-lo. Temos garantida a liberdade de manifestação, de reunião, vários direitos e um deles é a de Segurança Pública. Por isso, a Constituição, para garantir esses direitos, coloca certos limites a ação de agentes e, nesse caso, como já tenho dito, houve uma clara violação do texto constitucional”, declarou o ministro, que já havia dito nesta quarta (16) que a paralisação era “inconstitucional”. “Não é possível que nós tenhamos interesses corporativos colocados acima do interesse da sociedade. Não é possível que reivindicações, para que sejam realizadas, espalhem pânico e terror”, completou Cardozo. Segundo ele, a ação do governo federal, em autorizar o envio de tropas federais no mesmo dia em que foi decretada, na terça-feira (15), foi uma manifestação de solidariedade ao povo baiano. “O governo federal tem uma missão, que é a defesa da Constituição e da legalidade do Estado Democrático de Direito. Podem ter absoluta certeza de que, sempre que houver uma tentativa de violação dos direitos da população, e uma violação dos direitos democráticos do povo brasileiro, nós atuaremos em conjunto, com os demais poderes do Estado”, defendeu. Também durante a entrevista coletiva, o governador Jaques Wagner informou que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, estuda solicitar ao Supremo Tribunal Federal um entendimento mais claro em relação a paralisações da Polícia Militar.

Fonte: Bahia Notícias

Bola rola, mas Portuguesa deixa gramado devido a ordem judicial

A bola chegou a rolar para o duelo entre Joinville e Portuguesa, pela primeira rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, mas, ainda com 16 minutos do primeiro tempo, uma determinação da Justiça obrigou com que o confronto fosse paralisado na Arena. Sendo assim, sob vaias da torcida presente, a arbitragem chamou as duas equipes e a partida foi interrompida.

O fato ocorreu por causa de uma liminar concedida pela 3ª Vara Cível de São Paulo nesta quinta-feira, que anulava a decisão do STJD na qual a Portuguesa perdeu quatro pontos por causa da escalação de um jogador irregular e acabou sendo rebaixada para a segunda divisão. Com a novidade, o clube do Canindé não poderia iniciar a disputa da Série B do Campeonato Brasileiro.

Questionado sobre o ocorrido, o delegado do jogo foi claro: “A liminar não foi cassada. A Portuguesa quer que pare o jogo. O filho do presidente (Ilídio Lico) trouxe aqui (a liminar) e quer que pare o jogo”. O discurso foi endossado pelo treinador rubro-verde: “Mandaram parar o jogo. Estou cumprindo a determinação”, completou o treinador da Lusa.

Sem aceitar a ordem, o time do Joinville permaneceu no gramado e foi surpreendido com mais uma determinação, desta vez por parte da CBF. O presidente do clube catarinense, Nereu Martinelli, entrou no gramado e comunicou ao delegado da partida que, por telefone, um comunicado da entidade responsável pelo futebol brasileiro indicava a continuidade do duelo.

Apesar da segunda ordem, o time da Portuguesa permaneceu nos vestiários, indicando que não voltaria para o confronto. O Joinville, por sua vez, seguiu no campo de jogo, evitando assim com que a partida fosse cancelada. Para o advogado do clube catarinense, no entanto, o clube do Canindé pode ser prejudicado com esta ação, perdendo os pontos do duelo.

“Eles querem se beneficiar disso. A Lusa tirou os jogadores de campo e só quem tem a perder é o futebol brasileiro. Ela não pode abandonar a partida. O Joinville continua. Se não tiver adversário, nós ganhamos a partida. Não deveria ter entrado em campo. Se entrou, não pode sair, tem que esperar a resolução na Justiça”, explicou Roberto Pugliese, advogado do Joinville.

Sem mudar sua postura, a Portuguesa seguiu nos vestiários até que a arbitragem também deixou o gramado, indicando que a partida estava encerrada. De acordo com o treinador Argel Fucks, o time rubro-verde apenas cumpriu uma ordem de seus superiores. “Eu sou funcionário do clube, foi uma decisão do presidente e do departamento de futebol e eu apenas tenho que acatar”.

Fonte: Gazeta Esportiva

Polícia Federal prende Marco Prisco, líder de greve da PM na Bahia

Foi preso na tarde desta sexta-feira o líder do movimento grevista da Polícia Militar (PM), Marco Prisco, que também é vereador e presidente da Associação de Policiais e Bombeiros e de seus Familiares no Estado (Aspra). Prisco teve prisão preventiva decretada pela Justiça Federal em 15 de abril, mas apenas hoje foi detido, em um resort. Em nota, a Polícia Federal (PF) informou que o oficial já está sendo transferido para o Complexo da Papuda.

O pedido foi feito na terça-feira dentro da ação penal movida pelo MPF em abril de 2013, que denunciou sete vereadores, soldados e cabos da PM por diversos crimes, a maioria deles contra a segurança nacional, praticados durante a greve realizada entre os dias 31 de janeiro e 10 de fevereiro de 2012. A intenção do pedido de prisão preventiva é garantir a ordem pública. Segundo informações do MPF, Marco Prisco é processado por crime político grave, e qualquer recurso contra sua prisão só pode ser ajuizado no Supremo Tribunal Federal (STF).

O fim da paralisação deste ano foi acordado entre representantes das seis associações da Polícia Militar e representantes do governo no início da tarde da última quinta-feira. Segundo dados oficiais, divulgados pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), Salvador e municípios da Região Metropolitana registraram 44 homicídios durante a paralisação.

Salvador continua sendo policiada pelas Forças Armadas e nessa sexta-feira Santa somente as equipes do Exército foram vistas nas ruas da cidade.

Risco de nova greve

A prisão gerou uma repercussão para os policiais militares que, por meio de um grupo fechado no aplicativo “Whatsapp”, afirmaram que se a decisão não for revogada, a categoria fará nova greve. “Estamos tentando saber ao menos pra onde ele vai ser encaminhado. isso é um sequestro orquestrado pela justiça.

Estão levando ele para um avião e ninguém pode acompanhá-lo, estamos seguindo em outro veículo”, escreveu um dos policiais no grupo. Os policiais estão convocando os outros à uma concentração no Parque da Cidade, para uma mobilização contra a prisão do líder grevista.

Líder de ACM Neto emprega sobrinha no gabinete e cunhada na prefeitura: ‘Confirmo’

Joceval_Rodrigues

O líder do governo ACM Neto na Câmara Municipal de Salvador, Joceval Rodrigues (PPS), foi denunciado nesta quinta-feira (13) à imprensa e ao Ministério Público da Bahia (MP-BA) por empregar parentes e aliados na prefeitura e na Casa Legislativa. De acordo com a acusação, o vereador mantém em seu gabinete a sobrinha Taís Freitas de Jesus, com o salário máximo de assessor (G23, cerca de R$ 5,8 mil), e outros familiares e correligionários na Companhia de Governança Eletrônica (Cogel). Ele indicou o presidente do órgão, Ricardo Vencato da Silva – que responderia a processo por doação na campanha de Joceval acima do permitido; a irmã da sua mulher, Graziele de Oliveira Freitas – no cargo de gerente financeira; a esposa do irmão, Andréia Soares de Melo Rodrigues – gerente de negócios do órgão; e um suposto primo da esposa, Paulo Cezar Souza – funcionário da gerência de relacionamento institucional. Além disso, o seu ex-chefe de gabinete, Jorge Luis de Almeida dos Santos, teria mantido duplicidade de função no Município até abril de 2013 e hoje permanece como coordenador, Grau 54, do Distrito Sanitário São Caetano/Valéria, da Coordenadoria de Distritos Sanitários da Secretaria Municipal da Saúde. Contatado pelo Bahia Notícias, o vereador confirmou a veracidade de parte das denúncias, à exceção de Paulo Cezar, que, segundo ele, não tem grau de parentesco com a sua companheira. “A Taís já saiu. Era estagiária e seu contrato acabou. Saiu do gabinete desde o ano passado. Sobre o Ricardo, ele é um bom profissional dessa área, escolhido pelo prefeito, e corre o risco, inclusive, de ser chamado para coisa maior. Estão me botando um bocado de parente que não sei quem é. Não conheço o Paulo Cezar. Ele é amigo da família dela [sua esposa]. É um rapaz que teve o irmão demitido do órgão devido ao decreto de Neto [antinepotismo]. Procede a Graziele, que é uma pessoa que trabalha muito e tem feito um trabalho tão bom na Cogel que requalificou toda a parte de gestão financeira. Andréia faz parte do [setor de] relacionamento [da Cogel]. O Jorge tem um estabelecimento comercial em Campinas de Pirajá e queria ficar por perto, por isso foi para o distrito. Foi sim uma indicação minha, mas ele passou pelo secretário [Alexandre] Paupério [Gestão] e por uma qualificação. Confirmo. São pessoas ligadas ao partido. Não tenho nenhum problema com isso”, minimizou o vereador, ao cogitar o motivo da denúncia: “Estão tentando degradar minha imagem. Eles estão atirando para tudo que é lado para pegar Joceval, mas são amadores. Têm que trabalhar muito para me atingir”. Presidente estadual do PPS, o vereador é visto como persona non grata por antigos quadros do partido que rejeitam o seu controle. O BN apurou que Graziele, além de servir à gestão municipal, é tesoureira do PPS e Taís, que era estagiária, doou R$ 4.570 na sua última campanha. A ação contra Ricardo e a duplicidade de Jorge não foram localizadas.

*Bahia Noticias

Salvador: novas linhas circulares começam a operar entre Lapa e Barra neste domingo (16)

O deslocamento dos soteropolitanos até a Barra vai ficar mais rápido a partir deste domingo (16), quando três linhas circulares criadas pela Prefeitura de Salvador passam a operar com destino ao bairro, saindo da Lapa. Na estação de transbordo, o usuário irá descer e escolher, sem pagar nova passagem, a melhor maneira de chegar à Barra, podendo optar entre três trajetos diferentes. Nessa mesma data, nove linhas que partem de Cajazeiras, Boca da Mata e Fazenda Grande deixarão de seguir para a Barra, fazendo ponto final na Lapa.

A medida, que faz parte da reestruturação do sistema de transporte coletivo da capital baiana, havia sido suspensa pelo prefeito ACM Neto para possibilitar ampla divulgação das mudanças à população. Cumprindo a determinação do prefeito, o secretário municipal de Urbanismo e Transporte, José Carlos Aleluia, e o diretor de Transporte da Transalvador, Eladio Gomes, estiveram em Cajazeiras no dia 30 de janeiro para tirar dúvidas e apresentar os benefícios dessa iniciativa à comunidade. Com o mesmo objetivo, monitores estão distribuindo folhetos informativos e orientando os soteropolitanos sobre as alterações nas linhas.

Os ônibus circulares irão oferecer ao usuário a possibilidade de concluir o trajeto para a Barra de maneira ágil, utilizando um sistema de transporte mais inteligente, deixando de dar voltas pelo bairro para depois seguir para o destino. Além dessa vantagem, as novas linhas passam a abranger também a região de Ondina e Avenida Garibaldi, aumentando as opções de transporte dos moradores de Cajazeiras, Boca da Mata e Fazenda Grande.

Para fazer a integração, o usuário terá que utilizar o Salvador Card Avulso ou o vale-transporte eletrônico, no prazo de duas horas. O transbordo da linha convencional para o ônibus circular será feito no subsolo da estação da Lapa, migrando da Plataforma A, onde atualmente param as linhas convencionais, para a Plataforma B. Os ônibus Lapa-Barra passarão nos pontos 31, 32 e 33.

A integração Lapa-Barra poderá ser feita através das seguintes linhas circulares:

O circular LB1 (Lapa -Chame-Chame) sairá da Lapa, passando pela Rótula dos Barris, Av. Centenário, passarela do Chame-Chame, pegando o retorno da Centenário, seguindo até a Rótula do Barris para acessar o ponto 36 da Plataforma B, no subsolo da Lapa.

A linha LB2 (Lapa – Barra Avenida/Barra) partirá da Lapa, seguindo pelo Politeama, Campo Grande, Vale do Canela, Ladeira da Gabriel, pegando as avenidas Princesa Leopoldina e Princesa Isabel, acessando o Porto da Barra e seguindo pela Avenida Sete de Setembro, Rua Marques de Leão, Rua Marquês de Caravelas, Rua Alameda Antunes, retornando pela Av. Princesa Isabel, Vale do Canela, viaduto do Campo Grande, Politeama e Rótula dos Barris, fazendo ponto final no ponto 35 da Plataforma B, no subsolo da Lapa.

O LB3 (Lapa -Garibaldi-Ondina) irá circular pela Rótula dos Barris, Av. Vasco da Gama, Av. Garibaldi, Av. Ademar de Barros, Av. Oceânica, Rua Baependi, Rua Oswaldo Ribeiro, pegando novamente a Av. Ademar de Barros, passando pela Av. Garibaldi, fazendo o retorno na altura do Hospital Jorge Valente, trafegando pela Av. Garibaldi e Av. Vasco da Gama, chegando no ponto 34 da Plataforma B, no subsolo da Lapa.

Confira abaixo as linhas convencionais que passarão a ter a Lapa como destino

CÓDIGO LINHA EMPRESA
1418 CAJAZEIRA   7/6-LAPA/BARRA SÃO CRISTÓVÃO
1426 CAJAZEIRA   8-LAPA/BARRA SÃO CRISTÓVÃO
1427 CAJAZEIRA   10-LAPA/BARRA TRANSOL
1428 CAJAZEIRA   11-LAPA/BARRA CAPITAL
1429 FAZENDA GRANDE   1/2-LAPA/BARRA TRANSOL
1430 FAZENDA GRANDE   2/3-LAPA/BARRA EXPRESSO VITÓRIA   BAHIA
1431 BOCA DA   MATA-LAPA/BARRA BARRAMAR
1443 FAZENDA GRANDE   4-LAPA/BARRA CENTRAL
1465 CAJAZEIRA   6/7-BARRA/LAPA SÃO CRISTÓVÃO

Em entrevista, Wagner Moura avalia governo Dilma e critica “cultura do politicamente incorreto”

Prestes a concorrer, pela segunda vez, a um Urso de Ouro no Festival de Berlim, agora pelo filme “Praia do Futuro”, de Karim Almouz, o ator Wagner Moura analisou aspectos da atual realidade brasileira, na visão de quem tem passado a maior parte do tempo fora do país por conta de trabalhos internacionais, em entrevista ao jornal O Globo, publicada nesta quarta-feira (12).

Segundo ele, o governo Dilma Rousseff (PT), que “tem se mostrado incompetente em várias áreas”, precisa se atentar mais a questões como os direitos humanos, a ecologia e a cultura. “Houve uma oportunidade perdida no governo Lula e que piorou no governo Dilma. Desde que me entendo como pessoa, o presidente mais importante que o Brasil teve foi o Lula, porque diminuiu a desigualdade social. (…) Ele se beneficiou de uma conjuntura internacional boa. Quando a chapa esquentou internacionalmente, as fragilidades ficaram mais evidentes no governo Dilma. E o pior é que a gente tem uma postura triunfalista, comemorando vitórias o tempo todo”, avaliou.

O baiano também aproveitou para manifestar simpatia pela ex-senadora Marina Silva (PSB), mas não por seu aliado na disputa eleitoral deste ano, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB). “Com todo respeito a ele, e acho que é um bom político, mas tudo o que o PSB não faz é política de uma forma nova, que é o que a Rede [legenda idealizada, mas não concretizada, pela ex-parlamentar] propõe”, opinou.

Questionado sobre o recente cenário artístico do país, Wagner fez duras críticas à exaltação da “cultura do politicamente incorreto”, mais predominante no humor. “É uma pena que muitos comediantes, e não só comediantes, mas muitos artistas jovens brasileiros sejam de direita. Sejam garotos fascistas. Eles fazem um trabalho que a gente ensina nossos filhos a não fazer. Apontam para os outros e dizem ‘hahaha, você é preto, você é viado, você é aleijado’. Eu sou politicamente correto. (…) Ser radical como artista é diferente de humilhar os outros”, discerniu.

“Bell Marques deveria ter mais cuidado com o que diz”, afirma advogado autor de processo

Nesta quarta-feira (12), o advogado José Raimundo Ferreira, mais conhecido como Jota Ferreira, concedeu entrevista para a rádio BAIANA FM (89.3) na qual tornou público um processo contra o cantor Bell Marques, acusado de atentar contra a honra do baiano durante o evento Axé Brasil Multishow, em Minas Gerais, no ano passado.

Dr Jota Ferreira

O processo foi acionado pois, na apresentação, Bell chama os baianos, principalmente os da cidade de Iaçu, de “tabaréu”, causando revolta nos habitantes da região. “A iniciativa partiu de uma rádio em Iaçu, que elaborou uma carta aberta, registrada em cartório, repulsando essa imputação feita pelo cantor Bell Marques e, reagindo à ofensa, exigindo uma retratação pública. Isso foi extrememente divulgado, não só na Bahia, mas também no exterior. Bell Marques, como pessoa pública, deveria ter mais cuidado com o que fala”, disse.

A confusão em torno da declaração do cantor começou após ele questionar o tempo que ainda restava para sua apresentação no evento. “Bacana, eu só preciso saber quanto tempo eu tenho de tocado. Você diz o valor aqui e não me dá o tempo”, disse ele, em um vídeo publicado na internet. Logo em seguida, o vocalista do Chiclete com Banana afirmou que a falta de organização seria “coisa de tabaréu”: “Não, assim é coisa de tabaréu, coisa lá de baiano, de Iaçu…”.

Jota, que é contratado para defender o interesse público dos baianos de Iaçu, conta que “a população entendeu a atitude como ofensiva. As pessoas da cidade ficam se questionando o porquê dele escolher falar de Iaçu, uma cidade que inclusive tem uma preocupação cultural, com o meio ambiente, e é bem arrumada. Elas se sentiram extremamente ofendidas”, ressaltou.

Quando perguntado sobre qual a tramitação que será dada a essa denúncia, o advogado explicou que “a peça jurídica que produzimos foi uma representação criminal, porque a ofensa ou a injúria, a declaração foi dita publicamente. E em nome das entidades culturais que se prontificaram a firmar a peça, eles entendem que foi feito um crime de ação pública. Cabe ao Ministério Público de Iaçu a instauração do inquérito e investigação da ação, para que ele venha ao público prestar esclarecimento ou defesa”, afirmou.

Segundo José Raimundo Ferreira, o ex-vocalista do Chiclete com Banana poderá propor “uma compensação por meio de um projeto de cunho social”, a ser acompanhado e negociado pelo próprio MP. “Houve a transgressão, ela é grave, ela causou mal”, concluiu.

Prefeitura entrega nesta terça os primeiros prêmios da Nota Salvador

Nota Salvador

O prefeito ACM Neto e o secretário municipal da Fazenda, Mauro Ricardo, farão a entrega dos cheques nos valores R$ 20 mil, R$ 10 mil e R$ 5 mil para os três principais ganhadores do programa Nota Salvador. A cerimônia de entrega será realizada às 11h30, no auditório da Secretaria da Fazenda, no Centro.

O vencedor do maior prêmio, no valor de R$ 20 mil, foi o funcionário público estadual Helio Oliveira Queiroz Junior. Ele também ganhou R$ 1.500 em outros prêmios. O segundo prêmio, no valor de R$ 10 mil, foi para Gercino Junior. O terceiro, de R$ 5 mil, foi para Luciana de Oliveira Lacerda Nascimento. Os vencedores receberão os prêmios pessoalmente.

Também foram sorteados mais de 15 mil prêmios de R$ 1 mil, R$ 500, R$ 100, R$ 50 e R$ 10. Para participar do próximo sorteio do programa, que será realizado no final de fevereiro, é preciso se cadastrar no programa por meio do site nota.salvador.ba.gov.br e aderir ao regulamento do sorteio.

“No primeiro sorteio tivemos muitos inscritos, mas poucas pessoas aderiram ao sorteio. Por isso praticamente todo mundo que utilizou um serviço e pediu a nota, com o número do CPF ou CNPJ, recebeu alguma premiação”, afirma Mauro Ricardo. Os sorteios são mensais, tendo por base os números da Loteria Federal, e a divulgação dos resultados acontece sempre no último dia útil de cada mês. A adesão é feita uma única vez com validade em todos os sorteios.

A Nota Salvador é um programa de estímulo à cidadania fiscal. Todas as vezes que o cidadão utiliza um serviço e pede a nota, dando o número do CPF ou CNPJ, recebe de volta até 30% do ISS incidente sobre o serviço prestado, em depósito em conta corrente ou desconto de até 100% no IPTU de qualquer imóvel da cidade. Para cada nota registrada no sistema, o consumidor recebe um bilhete eletrônico para concorrer a prêmios em dinheiro e a cada R$ 20 será atribuído adicionalmente um bilhete eletrônico para participação nos sorteios.

A validade dos créditos é de 15 meses contados da data de sua disponibilização. Não será permitido a utilização do crédito pelas pessoas físicas e jurídicas que estiverem inadimplentes perante o município em relação às obrigações pecuniárias, de natureza tributária ou não tributária.

Bahia perde para o São Paulo, que teve dois expulsos, e cola no rebaixamento

marcelo-lomba-bahia-x-são-paulo

O São Paulo visitou o Bahia neste domingo (20) pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro, e com dois jogadores a menos, conseguiu a vitória pelo placar de 1 a 0. Com 40 pontos, o São Paulo pode fechar a rodada na décima posição. O Bahia tem 36 e segue próximo da zona de rebaixamento. Aloísio recebeu na pequena área e tentou o chute, que passou ao lado do gol. O São Paulo começou a partida no ataque e buscando a pressão.

Ademílson fez a jogada na esquerda e tentou o drible na área, mas sem conseguir sucesso. A pressão seguia sendo dos visitantes, que tinham mais posse de bola.

Feijão recebeu a bola, fez a jogada individual e bateu para o gol, com a bola batendo no travessão. Aos 17, Marquinhos foi para o chute e Rogério Ceni defendeu.

Aloísio abriu o placar aos 23 minutos, recebendo bola na direita de Rafael Tolói e invadindo a área para bater cruzado e marcar o primeiro gol da partida.

O Bahia foi atrás da reação, mas quase o São Paulo marcou o segundo, com Aloísio, que tentou cabecear bola lançada por Reinaldo e forçou a defesa de Marcelo Lomba.

Aos 33, Denílson acabou levando o cartão vermelho depois de uma entrada em Willian Barbio, deixando o São Paulo com um jogador a menos em campo.

Wellington entrou no lugar de Ademílson aos 39, para fechar o sistema defensivo do São Paulo. O Bahia tentava segurar a pressão do time visitante e ir ao ataque, sem conseguir encaixar as jogadas de perigo.

Aloísio tentou arriscar e a bola foi pela linha de fundo. Depois, Douglas e Maicon fizeram a jogada com Ganso concluindo sem direção.

Madson tentou cruzar a bola na área e Rogério Ceni conseguiu a defesa. O Bahia buscava o ataque mas era pouco objetivo em suas chances de gol.

Aos 13, Madson partiu com a bola e bateu para a defesa de Rogério Ceni. O Bahia seguia pressionando e Marquinhos tirou por duas vezes Paulo Miranda da jogada antes de tentar o chute, que foi pela linha de fundo.

O São Paulo se fechava e buscava administrar o resultado, com o Bahia aumentando a pressão e se lançando ao ataque. Aos 26, Douglas bateu falta por cima do gol de Marcelo Lomba.

Maicon também levou o cartão vermelho por reclamar com o árbitro, deixando o São Paulo com dois jogadores a menos. Tentando aproveitar a superioridade númerica, o Bahia foi para o ataque e Raul bateu de longe, trazendo perigo para o gol de Rogério Ceni.

O Bahia continuou atacando e rondando a área são-paulina. Rafael Miranda chegou pela direita e tentou o chute, que passou ao lado do gol. Aos 45, aproveitando erro de passe da defesa do São Paulo, Hélder ficou com a bola e bateu por cima do gol.

Internacional x São Paulo – 27/out – 16h00 – Estádio Centenário Bahia x Atlético-PR – 27/out – 16h00 – Estádio da Fonte Nova

Ficha técnica:

Bahia 0 x 1 São Paulo

Local: Fonte Nova, Salvador (BA) Árbitro: Sandro Meira Ricci; Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios e Pablo Almeida da Costa; Assistentes adicionais: Gilberto Rodrigues Castro Junior e Avelar Rodrigo da Silva;

Técnico: Cristóvão Borges.

Técnico: Muricy Ramalho.

Gol: Aloísio (SPO) aos 23 do primeiro tempo CA: Raul, Souza, Titi e Fernandão (BAH); Maicon e Reinaldo (SPO)

CV: Denílson e Maicon (SPO)

Lídice da Mata diz que vai lutar para ser a candidata de Jaques Wagner em 2014

Além do presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, deputado Marcelo Nilo (PDT), que atua para convencer o governador Jaques Wagner (PT) e o PT de que ele deve liderar a chapa majoritária na corrida ao Palácio de Ondina em 2014 e tem a chancela do PDT, que busca a qualquer custo espaço na composição, a senadora Lídice da Mata também aguarda com expectativa um cenário a seu favor. Por enquanto está certo que a líder socialista deve reforçar o palanque do governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), na briga pelo Palácio do Planalto.

A senadora prefere manter acesa a esperança de que seu parceiro político histórico Wagner possa reconhecer uma perspectiva favorável ao seu nome para o governo. “Até a última hora vou continuar lutando para ser a candidata do governador”, ressaltou em conversa com a reportagem da Tribuna ontem.

Lídice negou, entretanto, que já esteja em movimento de articulação para definição de sua chapa. Foi especulado que ela já estaria tentando atrair lideranças para esse embate. Em nível nacional, Campos atua no sentido de seduzir partidos para um possível segundo turno. É certo que o presidente nacional do PSB estaria convencendo siglas nanicas a lançarem candidaturas próprias com o intuito de assegurar apoios na segunda etapa da eleição. “Não sou afobada para isso”, disse Lídice, sinalizando que está trabalhando com tranquilidade para se firmar na disputa ao governo da Bahia.

Com potencial de aceitação entre o eleitorado, sendo bem votada em 2010, Lídice se entusiasma, mas acautela-se. “Primeiro que não farei nada antes que o governador defina o candidato”, afirmou. A espera é pela decisão de Wagner, que já trabalharia conforme observadores atentos da cena política, com o nome do secretário da Casa Civil, Rui Costa (PT).

Essa semana, o chefe do Executivo estadual fez questão de promovê-lo na cerimônia de assinatura do contrato do metrô, diante da presidente Dilma Rousseff (PT) e demais aliados, entre eles, outro pré-candidato ao Estado, o secretário de Planejamento, José Sérgio Gabrielli (PT), que mesmo em meio à suposta dificuldade na Governadoria ainda se movimenta.

Nesse contexto, o líder do PP baiano, deputado federal Mário Negromonte, confirmou essa semana que a chapa estaria já formada pelo PT, PP e PSD, o que não foi negado até então pelos interlocutores do governador.

PSB ainda mantém cargos

Quase um mês depois de romper com o governo Dilma Rousseff e anunciar a devolução dos cargos de confiança, o PSB ainda mantém postos estratégicos na administração federal, com alto potencial eleitoral e reponsáveis pela gestão de milhões de reais. Entre eles está o presidente da Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf), João Bosco de Almeida.

A assessoria dele informou que nenhuma carta de demissão foi entregue ao governo e que sua intenção é ficar à frente da estatal até ser notificado de que deve sair.

Ocupante de cargos nos conselhos de administração BNDES, Roberto Amaral informou que já pediu para sair dos dois postos. Marcelo Dourado, presidente da Superintendência de Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco), também afirmou ter pedido demissão. Indicado por Campos, o coronel Humberto Vianna, secretário Nacional de Defesa Civil, também disse que já pediu para deixar o cargo. Jenner Guimarães do Rego, secretário de Fundos Regionais e Incentivos Fiscais do Ministério da Integração, afirmou por intermédio de sua assessoria que é funcionário de carreira do Banco do Nordeste e que não é filiado a nenhum partido. Portanto, vai ficar no governo.

O diretor da Codevasf, José, conforme sua assessoria não entregou nenhuma carta de demissão. Emanuel Lima, superintendente da Codevasf em Juazeiro (BA), indicado pela senadora Lídice da Mata, não foi encontrado.

PT elogia Dilma como a ‘mais poderosa’ em ranking

 

Enquanto políticos ligados ao governo consideram justa a classificação publicada pelo iG no ranking “Os 60 mais poderosos do País” – no qual a presidente Dilma Rousseff aparece em primeiro lugar , seguida pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva -, oposicionistas defendem que, na realidade, a ordem poderia ser inversa. Ou seja, Lula é quem deveria liderar a lista, pois seria quem exerce o poder “de fato” no país.

“Poder formal está bem, é da Dilma. Poder de fato, é o Lula”, afirma o ex-governador de São Paulo José Serra, que já disputou nas urnas com Lula e Dilma. O tucano, que aparece na 38a posição, se diz satisfeito com sua própria colocação na lista. Afinal, afirma, não exerce no momento nenhum cargo público.

O líder do PSDB no Senado, Aloysio Nunes Ferreira (SP), vai na mesma linha de seu colega de partido e diz que Lula ainda sai “no lucro”, já que manda sem ter que enfrentar os percalços próprios do cargo. “Eu acho que Lula tem mais poder que Dilma, porque ele manda sem ter a chateação de ter que governar. Ou seja, ele sai no lucro. Ele manda na Dilma, ele manda no partido, no capital financeiro, nos fundos de pensão e em mais um monte de coisas”, disse o senador.

Opinião um pouco divergente no campo da oposição é a do líder do DEM na Câmara, Ronaldo Caiado. Embora ele defenda que Lula tem mais “poder político” que Dilma, o “peso da caneta” justifica a primeira posição para a presidente. “Acho que a gestão é feita de acordo com a cabeça dela. No campo político ela sempre pede uma mãozinha lá para o Lula. Mas eu não mudaria esse posicionamento. O Brasil é um país presidencialista. Quem tem a caneta tem o poder, principalmente diante do pragmatismo da política brasileira”, criticou Caiado, que ainda alfinetou: “Sempre tem uma disputa da criatura com o criador”.

Líder do PSB na Câmara e um dos principais articuladores da campanha presidencial de Eduardo Campos, o deputado Beto Albuquerque (PSB) diz não se surpreender com o fato de Dilma liderar o ranking dos mais poderosos. “É natural. São poderosos aqueles que estão no poder e ela, como presidente da República, tem essa prerrogativa, ainda que Lula seja o criador da criatura”, avaliou.

“É bom lembrar que Lula influencia, mas tem muita coisa que ela não está fazendo”, alfinetou Albuquerque, que não perdeu a oportunidade de propagandear a candidatura de Campos, ao Planalto no próximo ano. Eduardo Campos ficou em quarto lugar no ranking. “Estamos em quarto lugar e recebemos esse resultado com humildade. Em 2015, com certeza, estaremos em primeiro. Temos consciência de que Eduardo Campos é uma alternativa a esses 20 anos de governo tucano-petista”.

Para os governistas, as declarações de oposicionistas sobre as posições de Dilma e Lula na lista não têm sentido. Os mais alinhados ao Planalto ironizam o discurso do tucanato. “É a oposição pedindo volta Lula?”, questionou o petista Ricardo Berzoini (PT-SP), ex-presidente do PT. “O que a oposição não sabe é que Lula nunca foi caudilho. Ele sempre estimulou o surgimento de novas lideranças. Ao colocar Dilma no poder, com a personalidade que ela tem, Lula nunca imaginou que ela seria uma pessoa apenas para cumprir tarefas. A oposição tenta criar uma ideia de tutela que não é verdadeira”, acrescenta o deputado.

Na disputa pela presidência do PT na eleição interna marcada para novembro, o deputado Paulo Teixeira (SP) também comentou a classificação. “É um bom ranking. O primeiro lugar tem que ser mesmo da presidente da República. Ela é que tem o poder de decisão”, destacou. “A oposição sempre vai querer diminuir o poder da presidente, por isso essa conversa de que o ex-presidente Lula é quem tem o poder de fato. O problema deles (dos oposicionistas) é que, dessa forma, sempre terão que enfrentar dois poderosos”, criticou Teixeira.

Já o líder do governo no Senado, Eduardo Braga (PMDB-AM), ressaltou que, entre os primeiros lugares da lista, estão os que já se desenham para a corrida eleitoral do próximo ano. “É claro que, sendo presidente, Dilma tem que estar no topo da lista. No entanto, se a gente se perguntar quem é o político de maior prestígio no país, com certeza o Lula estaria em primeiro lugar”, avaliou.